Transmissão

A malária é transmitida através de uma picada de um mosquito infectado, que suga o sangue necessário para o seu desenvolvimento ovular. A transmissão mais comum é no interior das habitações, em áreas rurais e nas periferias urbanas. A transmissão da malária pode dividir-se em:

Transmissão natural: é aquela em que o Plasmodium é introduzido no organismo humano por meio da picada de uma fêmea de Anopheles infectada, que suga o sangue humano necessário para o seu desenvolvimento ovular. Esta é portador de esporozóitos nas suas glândulas salivares que se irão desenvolver quando injetados no organismo humano.  

Transmissão Induzida: são transmissões não naturais onde algum descuido ou erro humano está em causa, são exemplos dessa transmissão:

* Transfusão de sangue que passam nos testes de parasitemia;
* Uso compartilhado de agulhas e/ou seringas por usuários drogados;
* Da gestante para o filho, antes ou durante o parto;
* Acidentes de trabalho em Hospitais e Laboratórios


 

Tratamento

Prevenção